drágea 057

| 9 comentários

LAERTE-28-04.jpg

9 comentários

A sociedade sob o efeito de Ouroboros, a cobra que come o próprio rabo.

Me lembrou o filme Amores Peros, do mendigo assassino profissional.

Acho essa genial! Já disse Friedman: "não existe almoço de graça." hehehe

Eu vi hoje, indo para o trabalho (moro em São Luís do Maranhão), esse mesmo desenho da índia adesivado na janela de um caminhão. Por que você colocou aí, Laerte? ESSA DÚVIDA ME ANGUSTIA

Muito boa essa drágea e também a da teoria. Parabéns Minotauro...

Existe ato de bondade totalmente desapegado?

Será que "o prazer de sentir-se bom" já desqualifica o desapego?

Antigamente era uma cesta básica.Tsc.

É assim que caminha a humanidade. Daqui uns tempos poderemos ver uma tirinha semelhante a esta, mas no primeiro quadro, o homem esconde o sanduíche nas costas e pergunta: - o que eu ganho com isso?

Assim como o Ricardo Sanches, também vi essa mesma figura da índia em um caminhão aqui em Maceió. Lembrei de ti na hora!!!

"O que lucro eu com isso?"

Comente


Type the characters you see in the picture above.