Mário Bortolotto

| 7 comentários

Sexta-feira, agora, dia 11/12, programou-se um leilão de arte em solidariedade e ajuda ao Mário Bortolotto.
Pra quem não sabe, Mário Bortolotto, autor, diretor e ator teatral, foi baleado no sábado à noite, durante um assalto.
Também ficou ferido o desenhista Carcarah, que passa bem.
Mário está melhor, mas seu estado é muito complicado.
Eu estarei lá e, junto com outros artistas, como meu filho Rafael, Angeli, Grampá, Mutarelli, Fábio Moon, Gabriel Bá, Cobiaco, faremos um painel que será rifado.
Sexta, dia 11, à noite, no Espaço Parlapatões, na Praça Roosevelt.

7 comentários

Sim, boas vibrações para o Mário Bortolotto.

Sim, mandemos aqui boas vibrações ao Bortolotto e que ele melhore 1000%!

Já é tão difícil teatro no Brasil, e os poucos que tem essa façanha (ser aplaudido) acabam num leito de hospital porque um idiota qualquer,sem o mínimo escrúpulo tingem a madrugada com sua raiva.

Laerte, propagandeei o evento em meu blog e, junto, fiz uma brincadeira com o seu trabalho. Dá uma olhada (http://incautosdoontem.opsblog.org/2009/12/10/salve-o-dramaturgo-ii/), se incomodar você de alguma forma, é só avisar que eu edito.

"Um simples canalha mata um rei em menos de um segundo"
de Canção do Novo Mundo, de Beto Guedes
Ainda bem que esse nosso rei é resistente.
Cure-se, Marião.
Abraços

O Mário Bortolotto representa uma façanha intelectual de maior significado para o Brasil. No entanto, fica complicado aceitar que o assaltante o atingiu para assaltá-lo. Seria na tentativa de tentar acabar com a repercussão no meio teatral e na literatura que esse assalto veio a ocorrer?
Um dramaturgo como Mário não morre nunca!
Maior beijo para o Mário.

O Amilcar fica citando aí Beto Guedes. O Marião abomina o Beto Guedes...rsss!

Comente


Type the characters you see in the picture above.